O crédito da banca Cabo-verdiana ao setor privado aumentou 5,3% em 2020, ultrapassando os 114 mil milhões de Escudos, impulsionado pelas linhas de apoio no âmbito da Covid-19, segundo dados do Banco de Cabo Verde, BCV.

De acordo com dados de um relatório do BCV compilados hoje pela Lusa, o crédito da banca comercial ao setor privado passou de quase 104.984 milhões de Escudos, em 2018, e 109.080 milhões de Escudos, em 2019, para 114.833 milhões de Escudos, em 2020.

O BCV iniciou há praticamente um ano a implementação de medidas de incentivo económico e mitigação das consequências económicas da pandemia de Covid-19, disponibilizando fundos aos bancos e incentivando linhas de crédito às empresas, para apoiar a recuperação económica.

Já no final de dezembro, o banco central anunciou que vai manter as taxas de referência em mínimos históricos em 2021 e prorrogar o programa de financiamento por mais 12 meses, precisamente para mitigar o impacto da crise provocada pela Covid-19.