O Banco de Cabo Verde (BCV) informou esta terça-feira, em comunicado, que colocará em circulação, a partir do dia 08 de Janeiro, uma nova nota de 200 Escudos em substrato algodão.

No comunicado enviado à Inforpress lê-se que a nova nota de 200 Escudos surge da decisão do Banco de Cabo Verde de uniformizar a família de notas de 2014, em circulação, em substrato algodão.

“Assim, atendendo ao centenário da data de nascimento do médico e escritor cabo-verdiano Henrique Teixeira de Sousa (1919-2019) e à necessidade de reforço da denominação de 200 Escudos, procedeu-se à reformulação da nota de 200 Escudos em polímero”, explica.

Com substrato de algodão, a nova nota traz no verso uma perspectiva do vulcão da Ilha do Fogo, onde foi notável a acção do escritor homenageado em prol de estruturas mínimas de saúde pública.

Com uma aparência renovada, continua a mesma fonte, a nota incorpora progressos tecnológicos que proporcionam maior segurança e durabilidade, com redução de custos e impacto para o meio ambiente, e facilitam o reconhecimento da integridade e manuseio pelo público.

O BCV informa ainda que a nova nota de 200 Escudos vai circular ao mesmo tempo que a nota actual em polímero, ou seja, ambas as notas devem ser aceites como meio de pagamento.

A distribuição da nota ao público será, segundo a mesma fonte, efectuada por intermédio das instituições de crédito.