Seja Cliente BAI

Descubra as Vantagens de ser cliente  BAI!

Fale Conosco

Apresente-nos as suas sugestões ou reclamações

Cliente BAI Emigrante

Como Abrir a sua Conta BAI Emigrante e ser um Cliente BAI

Os nossos emigrantes podem iniciar a sua relação com o Banco Angolano de Investimentos Cabo Verde S.A. abrindo a sua Conta BAI Emigrante, uma conta que possui um leque de produtos e serviços associados que vão de encontro às necessidades dos clientes emigrantes. Contudo, o BAI apresenta aos seus clientes Soluções Financeiras flexíveis e adaptáveis às suas reais necessidades.

Para abrir a sua Conta BAI Emigrante deverá preencher os formulários disponíveis nas nossas agências ou fazer o download dos formulários de abertura de conta disponíveis brevemente aqui no nosso Site, ou nos Consulados/Embaixadas de Cabo Verde no estrangeiro.

Quem é considerado emigrante?

Considera-se emigrante cabo-verdiano, o indivíduo nascido em Cabo Verde que mantenha ou não a nacionalidade cabo-verdiana desde que prove possuir residência permanente no estrangeiro

 

Como comprovar este estatuto no acto de abertura de conta?

  • Apresentando a seguinte documentação original ou copia autenticada:
    • Cartão de residência actualizado ou qualquer documento que comprove a sua residência no estrangeiro em regime de permanência e o exercício de uma actividade remunerada no país de residência 
    • Passaporte cabo-verdiano ou estrangeiro valido;  
    • Caso não esteja em condições de apresentar os documentos solicitados nas alíneas anteriores poderá ser apresentado para um certificado, emitido pela autoridade diplomática ou consular cabo-verdiana, que comprove que reside no estrangeiro e que exerce uma actividade remunerada no país de residência há mais de um ano;  
    • Formulários disponibilizados pelo banco devidamente preenchidos; 
  • Equiparam-se a emigrante:
    •  Descendente directos de emigrantes cabo-verdianos, até 2º grau, desde que residem no estrangeiro e que possam comprovar a sua residência permanente;  
    • Pensionistas e reformados que tenham sido emigrantes, bem como os seus respectivos cônjuges, desde que aufiram pensões ou rendimentos similares em moeda estrangeira;  
    • Viúvo(a) de emigrante que receba pensões ou rendimentos similares em moeda estrangeira;  
    •  Cabo-verdianos trabalhadores do mar ao serviço de barcos estrangeiros.  
  • Prova de emigrante:
    • Para beneficiar das vantagens estabelecidas para os emigrantes (taxas de juro preferenciais e benefícios fiscais), de acordo com a lei cabo-verdiana, o emigrante deverá provar, anualmente que continua a ser um Emigrante, enviando para o banco, por fax e copia autenticada por correios dos seguintes documentos:
    •  Cartão de residência actualizado 
    •  Um certificado, emitido pela autoridade diplomática ou consular cabo-verdiana no seu país de residência, que comprove que reside no estrangeiro;